Categorias

Resenhas

O Resgate - Resenha

07/02/2017 - Taíla Quadros
#Arqueiro #livro #Nicholas Sparks #opinião #resenha #romance

Fazia tempo que eu não trazia um romance maroto para vocês, né? Pois bem, gente. Hoje venho com mais uma resenha de um dos livros do autor Nicholas Sparks.

 

SINOPSE: Taylor McAden é voluntário do corpo de bombeiros da pequena Edenton. Destemido a ponto de parecer imprudente, enfrenta incêndios, participa de salvamentos, desafia a morte sem hesitar. Mas uma coisa ele não tem coragem de fazer: entregar seu coração.

Por toda a vida ele se envolveu com mulheres que estavam mais em busca de apoio que de amor – e sempre se afastava delas assim que o relacionamento começava a ficar sério.

Numa noite de tempestade, enquanto sinalizava postes de energia caídos, Taylor encontra um carro batido na beira da estrada. Assim que recobra os sentidos, Denise, a motorista, pergunta pelo filho. Mas Kyle, um menino de 4 anos que tem problemas de audição e de fala, não está em sua cadeirinha no banco traseiro.

Durante a busca pelo garoto, Denise se surpreende ao ver que está diante de um homem capaz de abrir mão da própria vida para salvar uma criança. E o que Taylor nem imagina é que esse resgate será muito diferente de todos os que já fez, pois exigirá mais do que coragem e força física – e talvez possa levá-lo à própria salvação.

O resgate é um livro arrebatador sobre sentimentos que abrem portas fechadas pela tristeza e sobre vidas que são transformadas quando se tem a ousadia de amar.

 

Então, no clima clássico de nosso amigo Nicholas, temos uma mãe que luta para criar o seu filho sozinha e um homem maravilhoso, mas com problemas no passado que fazem com que ele não consiga ter um relacionamento. Claro que o Nich (para os mais íntimos :p) também coloca um drama básico para a gente dar aquela chorada. A situação da vez é um acidente de trânsito que Denise sofre na estrada. Ela perde a consciência e o seu filho sai do carro e some na floresta. O esforço de Taylor e da cidade inteira para achar o menino é comovente e eu confesso que super me envolvo com essas histórias e fiquei mega apreensiva com o que ia acontecer com a criança. Para dificultar tudo, o menino tem um problema de fala e aprendizado, o que faz com que ele não interaja com as pessoas e não responda aos chamados de quem estava fazendo o resgate. Tudo isso foi muito bem elaborado para nos apresentar a personalidade de Taylor, um homem bondoso, comprometido com o seu trabalho, mesmo sendo voluntário e muito inteligente. Gamou, né? Sei como é. :p

 

Pois então, passamos por aquela famosa fase de estranhos, para conhecidos até que Taylor se torna parte da vida de Denise. Porém a dificuldade de Taylor em se relacionar e se abrir é algo que beira o irritante, porque a coitada da mulher não sabe o que está acontecendo e fica à mercê do cara aparecer ou não. Bom, toda a história gira em torno disso e no fim você vai entender tudo o que se passa na cabeça dessa gente. E é bem bacana.

 

Esse não é o meu livro preferido do Sparks, mas é uma leitura bem gostosa e a curiosidade é que a doença do filho de Denise é baseada em uma situação semelhante que aconteceu com o próprio filho do Nicholas. Então você pode realmente imaginar como deve ser duro passar por tudo o que essa mãe passa para ensinar o seu filho e dar o melhor para o seu desenvolvimento.

 

O romance é bem gostosinho e ainda tem algumas emoções no caminho que abalam as estruturas dos personagens. Recomendo a leitura para quem curte um romance para quem quer ler bem de boa e para quem adora as mais diversas manifestações de amor, tipo eu. <3  

 

 

O Resgate - Nicholas Sparks - 316 páginas - Editora Arqueiro

Quer ficar por dentro de todas as resenhas do Prateleira? Clique aqui e se cadastra. 

comentários
talvez você também goste
Publicidade
Facebook
Mais Lidos